Sexta, 24 de Maio de 2019 | TELEVENDAS: (11) 3256-4444 Busca
INSTITUCIONAL
Quem somos
Entre em contato
Seja nosso autor
CATÁLOGO
Brasileiros
Estrangeiros
Interesse Geral
Infanto-Juvenil
Jardim dos Livros
LIVROS
Por Título
Por Autor
Lista de Preços
ACONTECE
Links
Fotos
Eventos
Leio Geração
IMPRENSA
Release
Geração na Mídia
Banco de Imagens
DOWNLOADS
E-books
Wallpaper
PONTOS DE VENDA
Livrarias/Distribuidores
Cadastro
 
Kasinsky reúne amigos em festa de lançamento de sua biografia

Encontro para convidados será dia 28, no Buffet França, a partir das 20 horas

Cinco dias depois do lançamento comercial de Kasinsky – Um Gênio Movido a Paixão, publicado pela Geração Editorial/Ediouro, o fundador da Cofap reunirá amigos para uma festa em torno de sua biografia escrita por Maria Lúcia Doretto. Será no Buffet França (Av. Angélica, 750, em Higienópolis), dia 28 de novembro (uma terça-feira), com início às 20 horas. Somente quem portar convite terá acesso à festa, que começará com coquetel. Às 21 horas, haverá homenagem aos seguintes amigos de Kasinsky: Luiz Noberto Paschoal, Ozires Silva, Paulo Guilherme Aguiar Cunha, Sérgio Comolatti, Washington Olivetto e Wolfgang Sauer. Os convidados vão ganhar um exemplar do livro de brinde.

A monumental biografia de Abraham Kasinsky, que acaba de completar 89 anos, pode ser lida como um romance. Trata da vida, da luta de um homem para construir seu império. Foi escrita por sua secretária-executiva – com quem conviveu por quase 30 anos –, mas não parece uma biografia autorizada: seus segredos, defeitos, seus amores, está tudo ali, vivo, sem censura. Kasinsky, que ainda trabalha em sua indústria de motocicletas, só leu o livro depois de impresso. “Fale a verdade, somente a verdade”, o empresário disse à autora quando ela lhe perguntou se havia alguma restrição para a biografia. Maria Lúcia Doretto  entrevistou não apenas admiradores, mas também desafetos de Kasinsky para escrever um livro surpreendente, que revela a complexa personalidade de um homem genial, incansável e visionário, que também já foi chamado de egocêntrico, traidor e prepotente.

Em estréia de surpreendente maturidade literária, Maria Lúcia Doretto começa o livro pelo “pior dia da vida” de Abraham Kasinsky (conhecido como Abrão), o da venda da Cofap, por questões familiares, em 1997, para o grupo italiano Magneti Marelli. O drama da venda é narrado como um filme. A cena fecha nos olhos marejados de lágrimas do velho Kasinsky, que está entregando sua empresa, o resultado de uma vida, a uma multinacional. Flash back e Maria Lúcia retorna à infância de Abraham, filho de pais russos, que vieram para o Brasil por causa da Revolução de 1917 depois de terem passado pela Argentina. 

A infância e a juventude do empresário estão na primeira parte do livro. Depois vem a vida inteira deste gênio movido a paixão. É um livro apaixonante. Antes de contar a história da maior empresa de autopeças do Brasil e uma das maiores do mundo, que chegou a ter 22 mil funcionários e em 1996 faturou US$ 752 milhões, Maria Lúcia Doretto discorre sobre a época em que o jovem Abrão pensava em ser médico. O livro traz quatro cadernos de fotos históricas e um capítulo especial sobre a indústria automobilística brasileira.

O prefácio é do publicitário Washington Olivetto, admirador do empresário e criador da campanha que tornou o amortecedor popular até entre crianças e rebatizou a raça do cachorrinho “lingüiça” que era a estrela dos comerciais da Cofap.  Depois de lembrar a nova fase da vida de Abrão, que aos 85 anos apareceu na TV fazendo piruetas numa moto Kasinski de sua fábrica de Manaus, Washington Olivetto afirma: “É exatamente a maioria dessas piruetas que este livro narra em detalhes. Valorizando cada partida, manobra ou salto. Mas sem omitir nenhum tombo, arranhão ou fratura.”


Data/Hora do evento: 28-11-2006 - 20h00

Local:

Buffet França
Av. Angélica, 750 - Higienópolis
R.S.V.P.: (11) 3491-5358 / (11) 3491-5377

Untitled Document
Warning: Creating default object from empty value in /home/geracaoeditorial/www/lancamentos_internas.php on line 17
A Bela Adormecida Acordou
Bruna Gasgon
Um livro para as mulheres modernas que querem acordar e assumir o controle de suas vidas.
Segredo Segredíssimo
Odívia Barros
A Geração mais uma vez sai na frente e lança um livro pioneiro e polêmico: uma história para crianças que as ensina a se protegerem contra o abuso sexual infantil.
Cartas Anônimas
Fernando Vita
Em Todavia, pequena cidade baiana, os habitantes trocam cartas anônimas numa trama pitoresca, picante e alucinadora que espanta e diverte.

Titília e Demonão
Paulo Rezzutti
Cartas do Imperador D. Pedro I para a Marquesa de Santos que se imaginavam perdidas foram encontradas num arquivo dos EUA e revelam aspectos inusitados da corte.
Sangue e Entranhas
Richard Hollingham
Na linha do megassucesso A assustadora história da medicina, o autor revela as mais horripilantes histórias dos pioneiros da cirurgia, e ilustrações de casos sensacionais.
Um Amor Exclusivo
Johanna Adorján
Um casal de idosos que se amavam se suicida num domingo. Por quê? Como? A neta investiga essa história real e o resultado é um romance comovente, que faz rir e chorar.
O burocrata e o presidente
Afonso Oliveira de Almeida
Burocrata e escritor talentoso que conhece como ninguém os labirintos burocráticos de Brasília nos diverte com um olhar às vezes afetuoso, às vezes crítico, sobre o governo Lula.
Um Diário para Jordan
Dana Canedy
Antes de dormir, um sargento americano fazia questão de anotar o seu dia no Iraque em um diário. Essa é a única recordação que ficou para o seu filho recém-nascido.

A Mulher dos Sapatos Vermelhos
Carlos Herculano Lopes
O Escritor mostra mais uma vez a sua criatividade e ousadia na criação literária. A obra é uma compilação de 41 crônicas, sobre os mais diversos temas.