Como fazer sexo ou amor sem se machucar muito

como_fazer_sexo_amor
Como fazer sexo ou amor sem se machucar muito
Autor: Sonia Rodrigues
Categoria: Sexo
Formato 18 X 18 cm
Páginas: 224
Peso: 350gr
ISBN: 857509076-3
Cód. barra: 9788575090763
R$ 34,00
Editora: Geração

Sinopse:

Sonia Rodrigues carrega as dores e as delícias de ser filha de quem é – seu pai é nada menos que Nelson Rodrigues, um dos maiores dramaturgos que a literatura brasileira já conheceu. Do pai também herdou a mania de encarar sua escrita como um ofício (tem 22 livros publicados) e a inspiração para uma personagem-consultora sentimental. A Amarylis de Sonia pode ser encarada (por que não?) como a Myrna criada por Nelson Rodrigues na década de 1950, só que, obviamente, uma Myrna do século 21, que abandona o politicamente correto em seus conselhos.

_____________________________________

Consultora sentimental criada pela filha de Nelson Rodrigues ensina a sofrer menos com as armadilhas de Cupido

Sonia Rodrigues carrega as dores e as delícias de ser filha de quem é – seu pai é nada menos que Nelson Rodrigues, um dos maiores dramaturgos que a literatura brasileira já conheceu. Do pai também herdou a mania de encarar sua escrita como um ofício (tem 22 livros publicados) e a inspiração para uma personagem-consultora sentimental. A Amarylis de Sonia pode ser encarada (por que não?) como a Myrna criada por Nelson Rodrigues na década de 1950, só que, obviamente, uma Myrna do século 21, que abandona o politicamente correto em seus conselhos.

Surgida há sete anos nas páginas do Suplemento Feminino do jornal O Estado de S. Paulo, Amarylis pulou para as páginas do site Amar É Muito Bom (www.amaremuitobom.com.br) mas continuou respondendo, sem preconceitos, às questões afetivas e sexuais de pessoas de todas as idades e preferências.

Como Fazer Sexo ou Amor sem se Machucar Muito, com prefácio de Daniel Filho,  é o resultado de suas andanças. Todas as perguntas e respostas contidas aqui são verídicas, embora os nomes dos envolvidos tenham sido suprimidos. Dividido em tópicos como “Menos de 18”, “Amigos, Amigos, Ficantes à Parte”, “Na Seca”, “Harém” ou “Quero mais do que ficar”, o livro se torna fácil e divertido de ler. Como chifrar sem ser descoberto? Como esquentar uma relação que caiu na rotina? É normal curtir homem e mulher ao mesmo tempo? O que fazer se um parceiro tem mania de humilhar o outro? Como mudar a cabeça de alguém que não acredita mais no amor? “Mulheres e homens sabem que é bom amar, mas sofrem por amor e têm dúvidas. As mais diversas, as mais parecidas, as que se repetem em situações inesperadas”, explica Sonia Rodrigues.

“A minha experiência em dramaturgia, e principalmente nos melodramas novelísticos que dirigi, fica leve diante dos encontrados aqui”, diz Daniel Filho em seu prefácio. “Mas Amarylis não tem a verdade com ela. Tem a vivência, a observação e sua verdade.”

É impossível não se identificar com alguns dos dramas expostos. As encruzilhadas em que as pessoas se colocam apenas parecem ser diferentes – mas são muito iguais em essência. Amarylis acredita que temos de amar, sim; mas não ficar à disposição. Ela tenta apenas ajudar o leitor a sofrer menos com os percalços (inevitáveis) do caminho de Cupido. Porque amar é muito bom, mas dá trabalho.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER


NOSSOS CONTATOS

Geração Editorial
Rua Gomes Freire, 225
Lapa - São Paulo – SP
05075-010
Telefone: (11) 3256-4444
geracaoeditorial@geracaoeditorial.com.br