ADHEMAR
A fantástica história de um político populista desbocado, amado e odiado, inspirador do infame lema “rouba, mas faz”, que participou do golpe militar de 1964, foi posto de lado pelos generais e morreu exilado em Paris, depois de marcar sua época e história do Brasil.

DEUSES DO OLIMPO
Explore o universo mágico da Grécia Antiga e conheça as histórias dos personagens mais famosos da mitologia. Um livro para gente pequena e gente grande tambécm! ( + )

OS VENCEDORES
Quem ganhou, perdeu. Quem perdeu, ganhou. Cinquenta anos após o advento da ditadura de 1964, é assim que se resume a ópera daqueles anos de chumbo, sangue e lágrimas. Por ironia, os vitoriosos de ontem habitam os subúrbios da História, enquanto os derrotados de então são os vencedores de agora. ( + )

A VILA QUE DESCOBRIU O BRASIL
Um convite a conhecer mais de quatro séculos de história de Santana de Parnaíba, um município que tem muito mais a mostrar ao país. Dos personagens folclóricos, tapetes de Corpus Christi, das igrejas e mosteiros, da encenação ao ar livre da “Paixão de Cristo”. Permita que Ricardo Viveiros te conduza ao berço da nossa brasilidade. ( + )

O BRASIL PRIVATIZADO
Aloysio Biondi, um dos mais importantes jornalistas de economia que o país já teve, procurou e descobriu as muitas caixas-pretas das privatizações. E, para nosso espanto e horror, abriu uma a uma, escancarando o tamanho do esbulho que a nação sofreu. ( + )

CENTELHA
Em “Centelha”, continuação da série “Em busca de um novo mundo”, Seth vai precisar ter muita coragem não só para escapar da prisão, mas para investigar e descobrir quem é esse novo inimigo que deixa um rastro de sangue por onde passa. A saga nas estrelas continua, com muita ação de tirar o folego! ( + )

MALUCA POR VOCÊ
Famosa na cidade pelos excessos do passado, Lily terá de resistir ao charme de um policial saradão oito anos mais jovem que acaba de chegar na cidade. Prepare-se para mais um romance apimentado e divertidíssimo escrito por Rachel Gibson.. ( + )

NOS IDOS DE MARÇO
A ditadura militar na voz de 18 autores brasileiros em antologia organizada por Luiz Ruffato. Um retrato precioso daqueles dias, que ainda lançam seus raios sombrios sobre os dias atuais. ( + )





Browsing articles in "Lançamentos"
mar 15, 2016
admin

Debate sobre a publicação do “Minha Luta” no programa Metrópolis

Perdeu o debate sobre a publicação do “Minha Luta” no programa Metrópolis ? Assista pelo YouTube:
https://www.youtube.com/watch?v=h24L_PmD5Ag

Com participação do humorista e ator Gregorio Duvivier

Veja as principais frases do camarada:
“Estava na dúvida, sou contra qq proibição, ainda + de uma edição tão bonita e comentada como essa”.

“Tem um monte de livro pior sendo publicado no Br, como Olavo de Carvalho. Ninguém está falando que é crime de ódio”

“Eu acho(censura)uma bobagem. Ainda + de 1 edição tão bem comentada e tão bem feita”,

“O país (Br) tem uma tradição de censurar muito grande”,

“Se fosse uma edição apolegica aí sim deveria ser proibido, mas não é o caso”,

“´importante a publicação desse livro, pq ele é claramente anti-ódio pelo pouco que vi”,

“Assim como uma pessoa diz que ñ existe racismo no Br. Ela tb é responsável pelo genocídio da população negra”.

12806107_1023978904314342_1523404065403345329_n

 

mar 2, 2016
admin

Nota: Oficial de justiça tenta apreender a obra, que nem sequer foi impressa

Nota de esclarecimento

Em atendimento à decisão do juiz Alberto Salomão Junior, da 33ª Vara Criminal do estado do Rio de Janeiro, que proibiu a venda de “Minha Luta”, de Adolf Hitler, uma oficial de justiça citou na tarde de hoje a Geração Editorial e tentou apreender a obra, que nem sequer foi impressa. 

O editor Luiz Fernando Emediato informou que vai recorrer e disse o seguinte: 

“Essa decisão judicial escapa à minha compreensão.  O livro do Hitler – sem qualquer comentário crítico – qualquer um pode ler, fazendo download gratuito pela internet. A nossa edição – com 400 páginas de comentários críticos e análises históricas – está sendo proibida de circular. Na prática, essa decisão – se prevalecer – beneficia a propaganda nazista e impede a crítica desse abominável movimento.”

Geração Editorial

Páginas:«1234567...55»

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER


NOSSOS CONTATOS

Geração Editorial
Rua João Pereira, 81
Lapa - São Paulo – SP
05074-070
Telefone: +55 (11) 3256-4444
geracaoeditorial@geracaoeditorial.com.br