Blackbird Singing – O canto do pássaro preto

blackbird_singing

COMPRAR

Blackbird Singing – O Canto do pássaro preto
Autor: Paul McCartney
Categoria: Poesia
Formato: 14×21 cm
Páginas: 320
Peso: 405gr
ISBN: 857509013-5
Cód. barra: 9788575090138
R$ 34,00
Editora: Geração

Sinopse

O músico que tocou o coração e a mente de milhões de pessoas é também um poeta. Blackbird Singing, livro de Paul McCartney, traz as poesias que ele vem escrevendo há muitos anos e muitas letras de músicas. Na verdade, Paul já escrevia poesia antes mesmo dos Beatles – portanto, não se trata de um poeta imaturo. Seus versos são de uma desconcertante singeleza. Tratam das coisas simples da vida, dos sentimentos humanos, do amor e da solidão. São também comoventes as elegias à sua mulher Linda, assim como a sua esperança de que as palavras e as músicas podem melhorar o mundo.

___________________________________

“Blackbird Singing – O Canto do Pássaro-preto” revela o Paul McCartney poeta

A engravatada crítica britânica torceu o nariz, mas logo na apresentação do primeiro livro de letras e poemas de Paul McCartney, seu organizador e editor, Adrian Mitchell, já avisava: “Abra sua cabeça. Apague o nome e a fama. Leia estas palavras claras, ouça-as – e decida você mesmo. Paul não é um poeta acadêmico ou de vanguarda. Ele é um poeta popular”. De qualquer forma, queira a crítica inglesa ou não, um livro de poesias de Paul McCartney é sempre um acontecimento literário da maior importância.

“Blackbird Singing – O Canto do Pássaro-preto”, que o poeta, letrista e compositor Márcio Borges, do Clube da Esquina, traduziu, contém os poemas que McCartney vinha escrevendo desde há muitos anos e suas principais letras para algumas das muitas canções que marcaram as vidas e os corações de milhões de pessoas desde os anos 60. McCartney já lidava com poesia antes de conhecer John Lennon e enveredar pelo terreno da música popular, e fazer a história que todos já conhecem. Portanto, não se trata de um poeta amador.

Ao contrário, os poemas de Paul McCartney, 59 anos, muitas vezes são de uma desconcertamte singeleza. Tratam das coisas simples da vida, dos sentimentos humanos, do amor e da solidão. São comoventes as suas quase elegias para a mulher Linda, precocemente desaparecida. Assim como sua esperança quase ingênua de que as palavras e a música podem melhorar o mundo e as coisas.

Adrian Mitchell, 69 anos, apresentador e editor do livro, é poeta e autor de peças musicais e livros para adultos e crianças. Já fez mais de mil apresentações de seus poemas em várias partes do mundo. Suas peças e adaptações foram encenadas pelo Royal Shakespeare Company, Royal National Theatre e vários outras companhias regionais e alternativas. Ele conheceu Paul McCartney em janeiro de 1963.

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER


NOSSOS CONTATOS

Geração Editorial
Rua João Pereira, 81
Lapa - São Paulo – SP
05074-070
Telefone: +55 (11) 3256-4444
geracaoeditorial@geracaoeditorial.com.br